top of page

A importância da individualização



Ninguém é igual a ninguém . Tal como a biometria pertence a somente uma única pessoa, a saúde cardiovascular de uma pessoa não pode ser compreendida como algo idêntico a outra pessoa.


Em minha rotina de atendimentos e de operações, cada pessoa precisa receber um determinado protocolo de cuidados, levando em conta muitos aspectos, como idade , sexo , antecedentes pessoais, questões genéticas, hábitos de vida, questões emocionais e sintomas.

Além disto, existem alguns grupos de pessoas que merecem uma abordagem cardiológica e nutrológica específica. Posso citar as mulheres gestantes, as mulheres que estão na menopausa, crianças/adolescentes, pessoas com mais de 70 anos, esportistas e executivos.

Cada qual no seu grupo mas sempre convergindo para a máxima individualização de cuidados.


A criança nunca será um adulto pequeno tal como uma pessoa de idade mais longeva jamais poderá ser equiparada a qualquer perfil de indivíduo adulto.


Esta individualização será extremamente importante na escolha dos exames a serem solicitados periodicamente, na seleção das melhores dietas alimentares, na definição da intensidade e frequência das atividades físicas e na determinação dos limites humanos individuais.

16 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page